Skip to content

O Círculo

Empowering Communities

Mais de metade dos programas emitidos pelas televisões generalistas em 2006 são produções portuguesas. O valor – 60,4 por cento da emissão televisiva nesse período – corresponde a uma média diária de cerca de 14 horas e trinta minutos por canal, o equivalente a 21 157 horas de produção nacional.

A produção nacional foi mais relevante na 2:, onde representou 67,1% da oferta programática, de acordo com dados da Marktest. Na SIC, a produção nacional teve menor peso, ainda que, mesmo assim, tenha representado mais de metade da programação – 51,7%.

Numa análise da importância da produção nacional de acordo com a tipologia de programas, conclui-se que foi ao nível dos formatos de entretenimento que ela teve maior relevância (95% do total destes programas foram produzidos em Portugal), ficando os formatos para a juventude em segundo lugar (88,2%) e a informação em terceiro (87,3%).

Mas a distribuição dos programas segundo a sua tipologia por canal apresenta diferenciações.

Na RTP 1, a produção nacional oferecida foi sobretudo relativa a programas de entretenimento (43,7%) e informação (39 %) enquanto que na 2: foram os formatos sobre cultura (34,1%) a marcar a programação nacional.

Na SIC foram igualmente os programas de entretenimento e de informação produzidos em Portugal os que mais peso tiveram – 32,9% e 24,2%, respectivamente.

A ficção nacional teve mais relevância na TVI, representando 37,2% do total de produção nacional.

84,9% DO DESPORTO É NACIONAL

A 2: foi a estação que mais programas desportivos produzidos em Portugal emitiu entre Janeiro e Dezembro de 2006, enquanto que a SIC foi aquela onde a importância destes formatos foi mais reduzida. O desporto foi o quarto tipo com maior relevância – 84,9% da emissão deste tipo de formatos nos quatro canais foi produzida em Portugal. Neste universo estão incluídos os jogos de futebol da Bwin Liga que são transmitidos pela TVI.

O encontro Naval-Benfica, transmitido dia 10 de Dezembro, teve uma audiência média de 20,9% e 44,8% de share, tornando-se o jogo da Bwin Liga mais visto desde Agosto – altura em que começou a jornada – sendo recentemente ultrapassado quando o Benfica jogou com o Paços de Ferreira, obtendo 20,9% de audiência média e 44,8% de share.

FORMATOS

‘TEMPO DE VIVER’

A novela da TVI contribuiu para os 37,2% que a ficção nacional representou no total da emissão portuguesa do canal em 2006.

‘UM CONTRA TODOS’

A produção nacional da RTP 1 foi sobretudo relativa a programas de entretenimento. ‘Um Contra Todos’ integra a lista dos formatos.

‘FÁTIMA’

Os programas de entretenimento produzidos em Portugal foram os que mais peso tiveram na estação de Carnaxide – 32,9%.

‘POR OUTRO LADO’

34,1% do total de programas produzidos em Portugal e exibidos na 2: estão relacionados com a área da cultura/conhecimento.

Fonte: CM.

Advertisements

%d bloggers like this: