Skip to content

O Círculo

Empowering Communities

António Ramos Rosa e Herberto Hélder são os dois escritores indicados pelo PEN Clube de Portugal para o Prémio Nobel da Literatura deste ano. O clube – que junta poetas, ensaístas e novelistas – referiu que, pela primeira vez, dois candidatos tiveram o mesmo número de votos entre os sócios, pelo que ambos foram submetidos ao Comité Nobel.

Herberto Hélder (na foto), autor de títulos como Os Passos em Volta, junta-se ao poeta algarvio Ramos Rosa, obtendo uma votação superior à de escritores como Agustina Bessa-Luís e António Lobo Antunes. Em declarações ao JN, o presidente do PEN Club, Casimiro Brito, frisou a «enorme justiça» da escolha de Herberto, desvalorizando a sua conhecida animosidade ao mediatismo: «o que mais conta é a dimensão e a qualidade da obra».

Casimiro Brito considera «ofensiva a sistemática exclusão do Português, sexta língua mais falada no Mundo, da lista de vencedores» do Nobel da Literatura. Recorde-se que José Saramago (1998) foi o único escritor luso distinguido com o prémio da Academia Sueca.

Advertisements

%d bloggers like this: